Dicas, Equipamentos

Retrospectiva 2016: o que ocorreu no mundo das câmeras digitais

16/12/2016
Retrospectiva 2016: um giro pelo mundo das câmeras digitais

Com a ascensão da fotografia feita com smartphones e o declínio da venda de câmeras digitais no mundo todo, o ano de 2016 foi marcado por uma quantidade mais modesta de lançamentos. No entanto, esse declínio não foi suficiente para barrar o desenvolvimento tecnológico. Foi possível acompanhar o lançamento de câmeras avançadas em todas as categorias bem como alguns modelos extremamente belos (para quem é fã do design de câmeras).

Confira um panorama geral dos lançamentos de 2016 e escolha [quem sabe?] a sua nova câmera para 2017! (Continuar lendo…)

Notícias

Relonch: uma câmera com apenas um botão que transforma fotos de leigos em profissionais

16/12/2016
Relonch: câmera como serviço

Se você é um leitor do f/otografia todo dia, certamente o Relonch é um serviço que definitivamente não é do seu interesse e que talvez te desperte uma sensação de desprezo ou, quem sabe, aquela viradinha de olhos para o céu seguido de um – Puts…!

Afinal, quem passa por aqui ama fotografia, quer fazer fotos cada vez melhores e curte aprender sobre toda e qualquer coisa que envolva esse universo, em outras palavras: nossos leitores curtem todo o processo de produção de uma imagem.

Além disso, muitos que passam por aqui estão começando a viver de fotografia e podem se sentir ameaçados por um serviço cuja promessa é cobrar 1 dólar por uma foto que você pagaria “100 ou até mesmo 1000 dólares”, nas palavras da empresa.

A fotografia é uma jornada de uma vida em que aprendemos sempre mais a cada curso que fazemos, a cada artigo que lemos e a cada imagem que produzimos.

O Relonch, no entanto, anda na contramão desse processo demorado e complicado e faz a seguinte promessa: você opera uma câmera com somente um botão, e o serviço do Relonch faz todo o resto para que a foto saia com qualidade superior, sem que você tenha que aprender fotografia. (Continuar lendo…)

Inspiração

As fotos vencedoras do Nature Photographer of The Year Contest 2016 estão disponíveis para wallpaper

16/12/2016
Vencedores do Nature Photographer of The Year 2016

Foto: G. Lecoeur | 2016 National Geographic Nature Photographer of the Year

Nesse mês foram anunciados os vencedores do concurso Nature Photographer of The Year, da National Geographic e as imagens vencedoras foram disponibilizadas para download em três tamanhos para uso em fundos de tela de desktops, tablets e smartphones.

O grande prêmio foi para Greg Lecoeur, com a fotografia intitulada “Sardine Run”, que registra a corrida das sardinhas durante a migração na costa selvagem da África do Sul. Durante a migração, diversos predadores marinhos atacam os milhões de sardinhas, cada um com a sua técnica. No registro de Lacoeur, podemos ver o ataque de pássaros e golfinhos.

Pela imagem, o fotógrafo francês foi contemplado com uma expedição de 10 dias com acompanhante para as Ilhas Galápagos, um complexo de ilhas considerado o principal laboratório vivo de biologia do mundo e que ficou famoso pelas visitas do naturalista britânico Charles Darwin.

Confira os primeiros colocados na competição: (Continuar lendo…)

Dicas

O que podemos esperar de uma objetiva profissional?

09/12/2016

Se você é um entusiasta da fotografia certamente já passou algumas horas no site da B&H, uma espécie de meca do audiovisual em Nova Iorque, para namorar aquela imensidão de câmeras, objetivas e acessórios de fotografia.

O site é bastante utilizado por profissionais do mundo inteiro, mesmo os que não tem a intenção de comprar equipamentos com eles, pois serve como referência de preços em função da quantidade imensa de itens em seu catálogo.

Bastam alguns instantes navegando pela seção de objetivas para notar a diferença discrepante de preços entre as lentes de diferentes categorias.

No caso das objetivas da Canon, a empresa separa lentes de qualidade superior em uma linha chamada de L-Series, em que as objetivas recebem uma linha vermelha próxima da extremidade. A Nikon não tem uma linha específica, porém algumas lentes de qualidade superior recebem uma linha dourada. Já a Sigma, possui uma linha chamada de Sigma Art que vem sendo ampliada nos últimos anos.

Veja esse dois exemplos de objetivas zoom com praticamente o mesmo intervalo de distâncias focais:

Nikon AF-P DX NIKKOR 18-55mm f/3.5-5.6G VR Lens – USD $250

Nikon AF-S DX Zoom-NIKKOR 17-55mm f/2.8G IF-ED – USD $1500

A diferença de preço entre elas é de 1250 dólares. Apesar da mais cara ter 1mm a mais de alcance na distância focal em grande-angular, definitivamente não é esse milímetro que justifica a gritante diferença de preço entre as duas.

Mas o que justifica?

Vejamos alguns motivos: (Continuar lendo…)

Notícias

Dicas para vencer o maior concurso de fotografia do mundo: o Sony World Photography Awards

09/12/2016
Sony World Photography Awards 2017

© Kei Nomiyama, Japan, Open Photographer of the Year, Open, Low Light, 2016 Sony World Photography Awards

Faltando apenas um mês para o encerramento das inscrições da 10ª edição, o Sony World Photography Awards 2017 abre novas inscrições para o seu concurso Open e compartilha os conselhos dos jurados aos fotógrafos de todo o mundo que se inscreverem para os concursos Professional, Open, Youth e também para os National Awards.

O Sony World Photography Awards, criado pela World Photography Organisation, é o maior concurso de fotografia do mundo. A edição 2016 recebeu um número recorde de 230.103 imagens de 186 países. O fotojornalista iraniano Asghar Khamseh foi nomeado Fotógrafo do Ano, Kei Nomiyama, do Japão, foi nomeado Fotógrafo Open do Ano, além do brasileiro Alexandre Meneghini que venceu na categoria “People”. (Continuar lendo…)

Notícias

Google PhotoScan: um app para digitalizar suas fotos antigas

09/12/2016
Google PhotoScan

Há um tempo atrás uma tragédia que eu nem gosto de lembrar aconteceu na casa dos meus pais: alguns álbuns de fotografia sofreram fortes corrosões por mofo. Um bolor se espalhou nas extremidades das fotos, resultando em uma série de recortes nos cantos para que o mofo não se espalhasse mais. Resultado: perdi algumas memórias de infância e fui obrigado a ter que conviver com fotos antigas dilaceradas pela tesoura.

Acredito que todo mundo que passa por esse site se esforça ao máximo para fazer fotos de qualidade técnica e estética superior, mas mesmo assim, quando encontra um antigo álbum de família, percebe um valor inestimável nas nossas fotografias vernaculares. Há quem fique com os olhos completamente marejados, tamanho o valor emocional dessas imagens.

Não sabe o que é fotografia vernacular? Clique aqui para ler sobre o assunto.

Para que tragédias assim não aconteçam, uma boa pedida é reunir a família e criar uma força-tarefa para digitalizar as antigas imagens em papel fotográfico, passando-as da caixa de sapatos diretamente para um backup na nuvem.

Fazer isso por meio de um scanner de mesa é uma tarefa tão chata e demorada, que só iria fazer a família brigar.

Para facilitar a vida de todo mundo, o Google disponibilizou um aplicativo gratuito para Android e iOS, o PhotoScan, que torna todo o processo muito mais simples. (Continuar lendo…)

Notícias

Google Earth Timelapse: o impressionante progresso das cidades nas últimas 3 décadas

02/12/2016

A missão do Google é organizar a informação do mundo e torná-la útil e acessível universalmente. Nessa levada, a empresa criou o Google Earth e o Google Maps, dois serviços que modificaram a maneira como interagimos com mapas e nos deslocamos pelas nossas cidades e pelo mundo. São tecnologias que já fazem parte das nossas vidas e que não conseguimos mais viver sem.

Indo mais além, o Google também criou uma outra maneira de utilizar as fotografias da superfície da terra capturadas desde a década de 1980, proporcionando uma visão ainda mais profunda do nosso planeta e do desenvolvimento das nossas cidades.

O Timelapse do Google Earth Engine, que está disponível desde 2013, permite a visualização de lapsos de tempo dentro da plataforma de mapas que já estamos acostumados.

Segundo o próprio Google:

Timelapse é um vídeo global com zoom que permite ver como a Terra mudou nos últimos 32 anos. É feito com 33 mosaicos anuais, livres de nuvens, um para cada ano desde 1984 até 2016, os quais são feitos de maneira explorável interativamente pela Time Machine Library do Carnegie Mellon University CREATE Lab, uma tecnologia para criar e visualizar timelapses com zoom e panning através do tempo e do espaço.

Usando o Earth Engine, nós combinamos mais de 5 milhões de imagens de satélites adquiridas nas últimas 3 décadas por 5 satélites diferentes. (…)

Pesquise, rotacione, dê zoom para começar a explorar nosso novo Timelapse, ou apenas veja nossos destaques no Youtube.

(Continuar lendo…)

Dicas, Edição

Por dentro dos aplicativos da Adobe para dispositivos móveis

02/12/2016
Por dentro dos aplicativos da Adobe Creative Cloud

Há 13 anos atrás, em 2003, a Adobe dava um grande passo em seu posicionamento estratégico ao anunciar a famosa (e finada) Creative Suite, de onde vem a sigla CS que acompanhou a versão de seus softwares até 2012, com a última delas, a CS6.

A Creative Suite era a solução completa da Adobe de softwares para os mais diversos ramos da criação, atendendo profissionais das áreas da fotografia, design, propaganda e do audiovisual.

Nessa época, o licenciamento dos softwares se dava em uma compra única, de valores bem altos. A empresa oferecia pacotes menores e mais baratos, como o Design Premium, além de uma versão completa, a Master Collection. O licenciamento ficava na casa dos milhares de reais: em 2012 comprei uma versão da Design & Web Premium CS6 por quase 6 mil reais. Um choque.

Sempre que uma nova versão era lançada, uma nova compra deveria ser feita, com descontos para atualizações entre versões recentes.

Para substituir a Creative Suite, a Adobe anunciou uma guinada no modo de comercialização de seus softwares, passando a distribuí-los em modo SaaS, que vem do inglês, Software as a Service, ou seja, software como serviço.

Assim, para trabalhar com os softwares da agora chamada Creative Cloud (CC), você pode contratar o software como um serviço por meio de uma assinatura mensal, diretamente pelo site da Adobe.

As vantagens são a quebra da barreira de entrada que havia com o alto valor dos softwares e a manutenção dos programas sempre atualizados com a última versão.

Além disso, a Creative Cloud coloca o fluxo de trabalho dos criativos em sintonia com as novas tecnologias, como tablets e smartphones e com todas as benesses do armazenamento na nuvem, daí o termo Cloud. Fica tudo mais ágil, integrado e sincronizado. (Continuar lendo…)

Notícias

As 100 imagens mais influentes de todos os tempos

02/12/2016

The burning monk – Malcolm Browne

A revista Time, uma das mais famosas revistas de notícias semanais do mundo, divulgou esse mês um projeto multiplataforma com uma belíssima curadoria ilustrando as 100 fotografias mais influentes de todos os tempos, o Time 100 Photos. O projeto faz parte da comemoração do aniversário de 175 anos da fotografia e do nascimento do fotojornalismo.

O projeto também inclui uma série de artigos, 20 documentários curtos e compilações de histórias não contadas dos bastidores de muitas dessas fotos. (Continuar lendo…)

Dicas

O que são dados EXIF?

11/11/2016
O que são dados EXIF?

A cada disparo que você realiza com a sua câmera, um arquivo digital é produzido contendo dois tipos de informação. O primeiro, obviamente, é o agrupamento dos pixels contendo todas as informações de cor que irão formar a imagem. O segundo, que só é acessado por meio de métodos específicos, é uma série de apontamentos textuais que revelam como a imagem foi produzida.

Os dados EXIF (acrônimo para Exchangeable image file format, ou Formato de Imagem Intercambiável) funcionam como uma impressão digital da fotografia capaz de revelar uma série de detalhes importantes sobre a criação da imagem.

Dados embutidos dentro de outros dados são chamados na informática de metadados ou de metainformação. Nesse caso, informações sobre a produção da imagem, inseridas dentro do próprio arquivo da imagem, um JPG ou um RAW, por exemplo.

Vale a pena saber disso porque tanto a palavra EXIF quanto a palavra metadados, são ambas muito utilizadas em artigos sobre fotografia. No nosso caso, elas estarão se referindo a mesma coisa: as informações a respeito de uma foto embutidas no arquivo digital. (Continuar lendo…)

BAIXE O EBOOK GRÁTIS: 50 COISAS QUE VOCÊ DEVE SABER AGORA PARA FOTOGRAFAR MELHOR
x