Dicas, Edição

Como corrigir uma linha do horizonte torta sem cortar a imagem

10/08/2017
Como corrigir uma linha do horizonte torta

Um dos erros mais comuns em fotografias amadoras (e que você pode conferir facilmente ao navegar pelas fotos dos seus amigos e familiares nas redes sociais) é a linha do horizonte torta.

A causa disso é simples: sem o olho treinado para compor com figura e fundo, normalmente  as pessoas deixam o foco de sua atenção apenas em um único elemento, como a pessoa fotografada, por exemplo. O resultado são cidades inclinadas, prédios caindo, o mar escorrendo e por aí vai…

A boa notícia é que corrigir uma linha do horizonte torta é muito fácil tanto no Lightroom, que tem inclusive, ferramentas para identificação e correção automática do horizonte, quanto no Photoshop.

No Photoshop nós temos a vantagem de utilizar os recursos de manipulação de imagens avançados, em especial o preenchimento automático, para corrigirmos a linha do horizonte sem ter que cortar partes da imagem.

linha do horizonte torta

Veja a imagem acima, por exemplo. Ao corrigirmos a linha do horizonte, seremos obrigados a fazer um corte na imagem, ou uma “cropagem”, para quem já aportuguesou o termo “crop” relativo à ferramenta de corte de imagens do Photoshop.

Durante a cropagem, perderemos uma parcela significativa da imagem, como você pode ver a seguir:

cropagem da linha do horizonte torta

A linha do horizonte está corrigida, porém para deixarmos a foto retangular novamente, teremos que cortar trechos significativos da imagem em todas as bordas.

Então como fazer a correção da linha do horizonte sem abrir mão de partes da imagem?

Passo 1: como corrigir a linha do horizonte na fotografia

Selecione a ferramenta Corte Demarcado (o atalho é a tecla C) e, em seguida, na barra superior de opções da ferramenta selecione a opção “Corrigir”.

corrigindo a linha do horizonte no photoshop

Para usar a ferramenta é muito simples: basta clicar e arrastar o mouse, de modo que a linha gerada pela ferramenta fique alinhada com o horizonte.

Assim que você soltar o botão do mouse, o Photoshop irá corrigir o ângulo para que o horizonte fique reto.

Passo 2: usar o preenchimento sensível a conteúdo para evitar a perda de partes da imagem

Ainda com a ferramenta Corte Demarcado selecionada, marque a opção “Sensível a conteúdo” e, em seguida, arraste as arestas até as extremidades da tela de pintura.

preenchimento sensível a conteúdo

Pressione a tecla enter e o Photoshop irá realizar o preenchimento sensível a conteúdo, ocupando os espaços vazios com pixels formados com base em seu surpreendente algoritmo.

Você não só não irá ter que cortar partes da imagem, perdendo resolução, como irá ganhar mais pixels criados pelo Photoshop.

O recurso de preenchimento sensível a conteúdo do Photoshop é realmente impressionante, porém nem sempre ele funciona com absoluta perfeição. Normalmente ele gera repetições de pequenos trechos da imagem nessas regiões preenchidas automaticamente. Você irá notar uma série de clones de pequenos detalhes da imagem.

Para finalizar, você deverá procurar por esses pequenos defeitos e fazer um ajuste fino corrigindo-os manualmente.

Passo 3: eliminando os defeitos

defeitos gerados pelo preenchimento automático

Dependendo da imagem, os defeitos podem ser mais ou menos perceptíveis, porém, via de regra eles costumam surgir da mesma maneira: repetições de pequenos trechos da imagem, gerando pixels “gêmeos”.

Procure na imagem por essas repetições e padrões e, em seguida, corrija-os utilizando a ferramenta Pincel de Recuperação para Manchas (J) ou a ferramenta Carimbo (S).

resultado final

O resultado final é uma imagem com o horizonte corrigido sem perder nenhum pixel durante o corte.

 

Foto de Aziz Acharki no Unsplash.

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply